Autorizada as nomeações de técnicos e analistas de TI no Concurso TRF5

01/08/2020 11h49 - Atualizado em 03/08/2020 12h01

Cadastre-se seu whatsapp para acompanhar o andamento deste concurso:

Foram autorizadas as contratações dos candidatos aprovados no concurso do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, realizado em 2017. O concurso tem prioridade de contratação dos aprovados nos cargos de técnico Judiciário, na especialidade Informática. O edital com a decisão foi assinado pelo presidente do TRF5, o desembargador federal Vladimir Carvalho e publicado na última segunda-feira (27) de julho no Diário Oficial da União.

Os sete concorrentes convocados já estão autorizados a tomar posse de seus respectivos cargos de técnico e analista na área de Informática e de Tecnologia da Informação. Os novos contratados deverão atuar nas Seções Judiciárias do Ceará (SJCE), Paraíba (SJPB), Sergipe (SJSE) e de Pernambuco (SJPE).

Mas, os prazos de posse dos aprovados foram suspensos em decorrência da pandemia causada pelo novo Coronavírus (Covid-19). Mas, de acordo com Vladimir, essas nomeações são uma exceção, devido sua extrema necessidade durante o regime de home office. Pois, a maioria dos magistrados e servidores trabalhando de casa, aumentando as atividades da área de TI.

O concurso TRF5 tinha prazo de validade de dois anos, prorrogável por igual período, a contar pela data de homologação dos resultados, a partir do dia 21 de junho. O concurso do Tribunal Regional Federal da 5ª Região foi realizado em 2017, ofertando 14 vagas para técnico (nível médio) e analista judiciário (superior).

O TRF5 tem sede em recife, mas tem representação em seis estados do Nordeste, são eles: Rio Grande do Norte, Sergipe, Ceará, Paraíba, Alagoas e Pernambuco. As inscrições foram realizadas até o mês de outubro de 2017, por meio do site da banca, a Fundação Carlos Chagas (FCC). O valor da taxa de inscrição foi de R$60,85 para o nível médio e R$70,85 para o nível superior.

A carreira de técnico foi dividida entre as especialidades de: Técnico Judiciário, Área Administrativa: nível médio completo, Informática: nível médio completo e curso de programação (mínimo de 120 horas) ou técnico em Informática, Segurança e Transporte: nível médio completo e CNH (D ou E). No caso de Analista Judiciário, as especialidades foram na Área Judiciária: superior completo em Direito, Área Administrativa: qualquer formação superior completa, Medicina (Clínica Geral), Informática/Infraestrutura e Informática/Desenvolvimento: qualquer formação superior, com especialização em TI, Oficial de Justiça: superior completo em Direito e Contadoria: superior completo em Ciências Contábeis.

Os salários ofertados foram de R$7.260,41 para técnico, de R$8.308,17 para Técnico (área Segurança e Transporte), de R$11.345,90 para Analista e de R$13.064,99 para Analista (especialidade Oficial de Justiça).

Nos valores já está incluso o auxílio-alimentação de R$884,00 e Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ) de R$3.382,79, no caso do cargo de técnico judiciário. No caso do técnico da área Segurança e Transporte, o valor salarial pode chegar a até R$8.308,17 porque eles têm direito aos mesmos benefícios e mais R$1.047,76 de Gratificação de Atividade de Segurança (GAS).

No caso da especialidade oficial de justiça, o salário já inclui auxílio-alimentação, de R$884,00 e R$1.719,09 de gratificação de atividade externa (GAE). Para os analistas, a renumeração ofertada foi de R$11.345,90, já incluso os R$884,00 de auxílio-alimentação e R$5.550,20 de GAJ.

Prepare-se com antecedência para a prova.
Solicite no formulário abaixo seu PDF com 500.000 Mil Questões de Concursos.
Pague quando entregar por R$ 15,00. Entrega agora pelo whatsapp.

Concurso INSS: Saiu a autorização para 1.000 vagas de nível médio

Acabou a espera! O concurso INSS está oficialmente autorizado. A portaria de autorização para realização do concurso público para o Instituto Nacional do Seguro Social foi publicada nesta segunda-feira (13/06), no Diário Oficial da União.

De acordo com o documento, estão autorizadas 1.000 vagas para o cargo de Técnico.

A portaria autorizativa foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 13/06/2022, e traz a informação de que o edital deverá ser publicado em até seis meses. Desta forma, a seleção será aberta até dezembro.

As vagas serão distribuídas para todo o Brasil.

No caso de técnico é exigido ensino médio, com inicial de R$ 5.184,78.

O regime de contratação do INSS é o estatuário, ou seja, garante estabilidade, o servidor só poderá ser demitido se cometer alguma falta grave.

É necessário ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse. Não há exigência de idade máxima.

As inscrições para o concurso do INSS ainda não foram abertas. Fique atento!

Prepare-se com antecedência para a prova.
Solicite no formulário abaixo seu PDF com 500.000 Mil Questões de Concursos.
Pague quando entregar por R$ 15,00. Entrega agora pelo whatsapp.

+de 1 milhão de Questões de Concursos em PDF - Gabaritadas

  • Material de estudo atualizado com questões de milhares de Concursos de todo o país.

  • Para facilitar sua preparação, o conteúdo está organizado por Instituição, Ano e Cargo.

  • Questões com gabarito de todos os principais concursos: INSS, Receita Federal, IBGE, Caixa, Banco do Brasil, Correios, Polícia Federal, PRF, Polícia Civil, Polícia Militar, dentre outros.

  • Além disso, o material contém as questões das provas do ENEM e OAB.

  • Acesse e baixe os arquivos de qualquer lugar pelo seu celular ou computador.

Por apenas R$49,90

Cadastre-se seu whatsapp para acompanhar o andamento deste concurso:

© Copyright 2014 - 2022 Concursos.com.br