Ministério da Economia

Formada a comissão organizadora do Concurso Ministério da Economia

28/07/2020 10h29 - Atualizado em 30/07/2020 12h40

Facebook - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html Twitter - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html Google Plus - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html
Facebook - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html Twitter - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html Google Plus - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html Whatsapp - https://www.concursos.com.br/concurso-previsto/ministerio-da-economia/formada-a-comissao-organizadora-do-concurso-ministerio-da-economia.html
A comissão organizadora do próximo concurso Ministério da Economia já foi formada. A notícia foi publicada na última terça-feira (28) por do Diário Oficial da União. A seleção irá ofertar 350 vagas temporárias e a comissão terá 90 dias para concluir os trâmites do concurso.

A comissão é formada por servidores e representantes da Secretaria de Governo Digital (SGD) da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia. Os integrantes da comissão são: Jackeline Paula de Godoi Degani - analista em tecnologia da informação (suplente) e Anderson da Silva Costa - coordenador geral em governança de TI (titular).

A comissão também conta com Daniel Pires de Castro - coordenador de provimento e dimensionamento de pessoas (suplente) e Rodrigo de Oliveira Alves - coordenador-geral de desenvolvimento e movimentação de pessoal (titular). Eles são representantes da coordenação-geral de desenvolvimento e movimentação de pessoal da Diretoria de Gestão de Pessoas da Secretaria de Gestão Corporativa da Secretaria Executiva do Ministério da Economia (CGDEP/DGP/SGC).

A comissão conta ainda com os representantes da coordenação-gral de legislação de pessoal da Diretoria de Gestão de Pessoas da Secretaria de Gestão Corporativa da Secretaria Executiva do Ministério da Economia (CGLEJ/DGP/SGC): Debora Ribeiro Martins - agente administrativo (suplente) e Iris Francisca Alves de Sousa - coordenadora de uniformização de normas, direitos e deveres em exercício (titular).

A comissão organizadora é responsável pela elaboração do projeto básico do edital e pelos trâmites de contratação da banca organizadora, que será responsável pelas principais etapas do concurso. De acordo com a portaria os trâmites devem ser concluídos em 90 dias, mas o prazo poderá ser prorrogado por mais 90 dias (janeiro de 2021).

Mas, os trâmites devem ser concluídos ainda este ano, pois de acordo com a portaria, o edital deve ser publicado até o dia 8 de janeiro de 2021. A portaria autorizativa do ME foi retificada no dia 10 de julho e de acordo com o documento, todas as vagas serão para atividades técnicas de complexidade gerencial.

As 350 oportunidades serão distribuídas entre os cargos de: Especialista em ciência de dados (50), Especialista em infraestrutura de Tecnologia da Informação-TI (50), Especialista em gestão de projetos (50 vagas), Especialista em desenvolvimento de software (50), Especialista em análise de processos de negócios (50), Especialista em segurança da informação e proteção de dados (50) e Especialista em experiência do usuário (50).

Os requisitos não foram mencionados na portaria, mas de acordo com o documento, as carreiras de atividades técnicas de complexidade gerencial são as de nível superior. Para concorrer os candidatos devem possuir ainda experiência profissional superior a cinco anos ou possuir título de mestre ou doutor.

De acordo com a última atualização da lei, a carreira possui salário de R$8.300,00. Mas, caberá ao Ministério da Economia definir a remuneração dos profissionais contratados, além do que, o quantitativo de vagas a serem ofertadas ainda poderá ser alterado.

Quando questionado sobre o concurso para efetivos, o Ministério da Economia informou apenas que não comenta concursos que estão em análise. Os perfis profissionais dos candidatos serão avaliados levando em consideração o processo de transformação digital em curso no Governo Federal.

O dia da inscrição será informado no site www.concursos.com.br.  Acesse o site diariamente para não perder o prazo da inscrição.

Nossa equipe de professores desenvolveu um DVD contendo mais de 500 mil questões para concursos públicos. Pague quando receber pelos correios. Por apenas R$ 49,90. Se não gostar basta devolver em até 7 dias do recebimento.

Solicite seu DVD XProvas - 500 mil Questões de Concursos no formulário abaixo:

© Copyright 2014 - 2020 Concursos.com.br