INSS

INSS possui demanda de 21 mil novos servidores e continua sem concurso

13/11/2020 14h06 - Atualizado em 16/11/2020 11h28

Cadastre-se seu whatsapp para acompanhar o andamento deste concurso:

Enquanto espera pela realização de um novo concurso INSS, o déficit no quadro da Previdência Social é de cerca de 21 mil servidores. Esse dado foi apresentado por meio de nota, na última quinta-feira (05) pela Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps).

Essa nota tratava sobre a campanha contra a Reforma Administrativa. Ha anos a entidade vem lutando para repor o seu quadro de servidores da autarquia e mais uma vez denuncia esse problema que já é percebido a população, pois sem profissionais para atender a demanda, não tem como as filas diminuírem.

De acordo com os dados Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), os números de processos está em torno de 1,5 milhão, mas esse número pode aumentar rapidamente, pois, novos pedidos entram e saem, mas sem profissionais para atender a demanda, o Governo Federal não consegue resolver a demanda.

Pela lei, um pedido deve ser analisado pelo Instituto Nacional do Seguro Social, no prazo máximo de 45 dias, mas, atualmente a espera chega a até oito meses. Outros fatores que impactam nessa situação é a Reforma da Previdência e os próprios problemas estruturais internos do órgão como, por exemplo, digitalização do serviço que não funciona da forma como deveria.

Mas, com certeza, a falta de 21 mil trabalhadores é o principal motivo do acúmulo na fila de benefícios. Nos últimos cinco anos, de acordo com a Fenasps, a autarquia perdeu cerca de um terço da força de trabalho, principalmente por causa de aposentadorias.

Durante este período foi realizado apenas um concurso público para o órgão e foi no ano de 2015. Na época foram ofertadas 950 vagas, ou seja, o quantitativo insignificante diante do enorme déficit. Os candidatos excedentes desta seleção não chegaram a ser convocados.

Não se sabe ao certo o número de vacâncias no cargo de médico perito. O parâmetro mais próximo é do último concurso para a carreira, realizado em 2011. Na época, de acordo com os dados de sindicatos, a autarquia atua com apenas 3.523 servidores, que insuficiente para atender a demanda.

Uma boa parte dos servidores foram afastados de suas funções em decorrência da pandemia causada pelo novo Coronavírus (Covid-19). Outro fator que está em discussão é a Reforma Administrativa proposta pelo Governo Federal, que tem sido repudiada por servidores, fazendo com a necessidade de realização de um novo concurso seja ainda maior.

De acordo com Fenasps, se a PEC for aprovada, o cenário de atendimento do INSS irá piorar muito, pois, haverá terceirização indiscriminada na Previdência Social. A Reforma Administrativa irá modificar atual regime jurídico dos servidores, que se dor aprovada, será desmembrado em cinco novos vínculos. Com isso, apenas os cargos das carreiras típicas de estado teriam o direito à estabilidade. Mas, a maioria dos parlamentares no Congresso Nacional não concorda com a proposta.

De acordo com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, não haverá tempo hábil para aprovar essa PEC ainda este ano, mas a proposta deve ser analisada em 2021. O INSS não enviou pedido de concurso este ano, pois, o órgão pretende fazer redirecionamento do quadro de pessoal até 2021, com isso, um novo pedido de concurso deve ser encaminhado em 2021 para realização da seleção em 2022.

O último pedido de concurso INSS solicitou as seguintes vagas: 3.984 vagas para técnico, de nível médio, com salário de R$5.186,79, 2.212 vagas para Médico Perito, de nível superior em Medicina, com salário de R$12.683,79, e 1.692 vagas para analistas, de nível superior, com salário de R$R$7.659,87.

O dia da inscrição será informado no site www.concursos.com.br.  Acesse o site diariamente para não perder o prazo da inscrição.

Prepare-se com antecedência para a prova.
Solicite no formulário abaixo seu PDF com 500.000 Mil Questões de Concursos.
Pague quando entregar por R$ 30,00. Envio imediato pelo whatsapp.

Concurso INSS: Saiu a autorização para 1.000 vagas de nível médio

Acabou a espera! O concurso INSS está oficialmente autorizado. A portaria de autorização para realização do concurso público para o Instituto Nacional do Seguro Social foi publicada nesta segunda-feira (13/06), no Diário Oficial da União.

De acordo com o documento, estão autorizadas 1.000 vagas para o cargo de Técnico.

A portaria autorizativa foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 13/06/2022, e traz a informação de que o edital deverá ser publicado em até seis meses. Desta forma, a seleção será aberta até dezembro.

As vagas serão distribuídas para todo o Brasil.

No caso de técnico é exigido ensino médio, com inicial de R$ 5.184,78.

O regime de contratação do INSS é o estatuário, ou seja, garante estabilidade, o servidor só poderá ser demitido se cometer alguma falta grave.

É necessário ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse. Não há exigência de idade máxima.

As inscrições para o concurso do INSS ainda não foram abertas. Fique atento!

Prepare-se com antecedência para a prova.
Solicite no formulário abaixo seu PDF com 500.000 Mil Questões de Concursos.
Pague quando entregar por R$ 30,00. Envio imediato pelo whatsapp.

+de 1 milhão de Questões de Concursos em PDF - Gabaritadas

  • Material de estudo atualizado com questões de milhares de Concursos de todo o país.

  • Para facilitar sua preparação, o conteúdo está organizado por Instituição, Ano e Cargo.

  • Questões com gabarito de todos os principais concursos: INSS, Receita Federal, IBGE, Caixa, Banco do Brasil, Correios, Polícia Federal, PRF, Polícia Civil, Polícia Militar, dentre outros.

  • Além disso, o material contém as questões das provas do ENEM e OAB.

  • Acesse e baixe os arquivos de qualquer lugar pelo seu celular ou computador.

Por apenas R$49,90

Cadastre-se seu whatsapp para acompanhar o andamento deste concurso:

© Copyright 2014 - 2022 Concursos.com.br