UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - 19 vagas até R$ 4649,65
  Atualizado em 05/12/2013 - 10:24

A REITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, tendo em vista o Art. 37, inciso II, da Constituição Federal, o decreto nº 6.944 de 21/08/2009 e o decreto nº 7.232 de 19/07/2010, torna público que estarão abertas as inscrições para o Concurso Público para Provimento de Cargos do Quadro de Pessoal Técnico-Administrativo da Universidade, conforme as normas do presente Edital.

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1.1 - As vagas destinam-se às Unidades Acadêmicas da UFRRJ localizadas nos Campi Seropédica, Nova Iguaçu e Campos dos Goytacazes.

1.2 - A denominação do cargo, a escolaridade requerida, o número de vagas e o local da vaga são os estabelecidos a seguir:

Quadro 1 - Especificação dos cargos de Nível Superior - NS - Classe E

Código

Cargo

Escolaridade Requerida

Total de Vagas

Número de vagas por Campus da UFRRJ

Seropédica

Nova Iguaçu

Campos dos Goytacazes

01

Administrador

Curso Superior em Administração

01

01

-

-

02

Engenheiro Agrônomo

Curso Superior em Agronomia

01

01

-

-

03

Assistente Social

Curso Superior em Serviço Social

01

01

-

-

04

Contador

Curso Superior em Ciências Contábeis

02

01

-

01

05

Engenheiro Eletricista

Curso Superior em Engenharia Elétrica

01

01

-

-

06

Farmacêutico/área Industrial

Curso Superior em Farmácia

01

01

-

-

07

Jornalista

Curso Superior em Jornalismo ou Comunicação Social com habilitação em Jornalismo

01

01

-

-

08

Médico Veterinário/ área Diagnóstico por Imagem

Curso Superior em Medicina Veterinária

01

01

-

-

09

Nutricionista / Alimentos

Curso Superior em Nutrição

02

02

-

-

10

Secretário Executivo

Curso Superior em Letras ou Secretário Executivo Bilíngue

01

01

-

-

11

Técnico de Assuntos Educacionais

Curso Superior em Pedagogia ou Licenciaturas

01

01

-

-

 

Quadro 2 - Especificação dos cargos de Nível Intermediário - NI - Classe D
CódigoCargoEscolaridade RequeridaTotal de VagasNúmero de vagas por Campus da UFRRJ
SeropédicaNova IguaçuCampos dos Goytacazes
12Técnico de Laboratório / Engenharia de MateriaisEnsino Médio Profissionalizante ou Ensino Médio completo + Curso Técnico na área0101--
13Técnico em Anatomia e Necropsia / AnimalEnsino Médio Profissionalizante ou Ensino Médio Completo0101- -
14Técnico em EletrotécnicaEnsino Médio Profissionalizante ou Ensino Médio Completo + Curso Técnico na área0101--
15Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS)Ensino Médio Completo + Proficiência em LIBRAS020101-
16DiagramadorEnsino Médio Profissionalizante ou Ensino Médio Completo + curso de editoração eletrônica0101--

1.3 - Os cargos de Nível Superior são para ingresso na Classe E / Padrão 101 e têm remuneração mensal inicial de R$ 3.138,70 (três mil, cento e trinta e oito reais e setenta centavos).

1.4 - Os cargos de Nível Intermediário, para ingresso na classe D / Padrão101, têm remuneração mensal inicial de R$ 1.912,99 (um mil novecentos e doze reais e noventa e nove centavos).

1.5 - Os candidatos aprovados serão nomeados sob o Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos Civis da União, das Autarquias e das Fundações Públicas, previsto na Lei nº 8.112, de 11/12/1990, com as alterações introduzidas pela Lei nº 9.527, de 10/12/1997, e vinculados ao Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação - PCCTAE, de que trata a Lei nº 11.091/2005.

1.6 - A jornada de trabalho para o cargo de Médico Veterinário é de 20 (vinte) horas semanais, de Assistente Social e Jornalista é de 30 (trinta) horas semanais e para os demais cargos, dispostos neste Edital, a jornada é de 40 (quarenta) horas semanais, e poderá ocorrer durante o turno diurno e/ou noturno, conforme as necessidades da Universidade.*

1.7 - As atribuições inerentes ao cargo são descritas no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos (Anexo 1).

2. DAS INSCRIÇÕES

2.1 - Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para a investidura no cargo ao qual pretende concorrer.

2.2 - As inscrições estarão abertas, no período de 02 de dezembro de 2013 a 02 de janeiro de 2014, e deverão ser efetuadas via internet. Para isso, o candidato

1. deverá acessar o endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos, entre 10h do dia 02 de dezembro de 2013 e 14h do dia 02 de janeiro de 2014, considerando-se o horário de Brasília, assim como seguir as instruções ali contidas;

2. preencher e enviar via internet o requerimento de inscrição disponível no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos;

3. gerar e imprimir a Guia de Recolhimento da União (GRU), que estará disponível após o preenchimento e envio do requerimento de inscrição, efetuando, somente em agências do Banco do Brasil, o seu pagamento em espécie ou por meio de qualquer serviço de pagamento via internet. A GRU, gerada exclusivamente a partir do endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos, deve corresponder NECESSARIAMENTE ao requerimento de inscrição enviado. O pagamento da taxa de inscrição efetuado de forma diferente da estabelecida neste item não será considerado.

2.3 - A inscrição do candidato implicará o conhecimento e a total aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital, em relação às quais não poderá alegar desconhecimento.

2.3.1 - O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado, obrigatoriamente, até o dia 02 de Janeiro de 2014, no horário de término do expediente bancário.

2.3.2 - A inscrição somente será validada após a confirmação do pagamento da taxa de inscrição pela rede bancária.

2.3.3 - A UFRRJ não se responsabiliza por pedidos de inscrição não recebidos por motivo de ordem técnica (falhas na transferência de dados, falhas ou congestionamento das linhas de comunicação).

2.4 - Serão de inteira responsabilidade do candidato as informações prestadas no requerimento de inscrição, bem como o pagamento da taxa de inscrição, em observância às normas e condições estabelecidas neste edital, sobre as quais o requerente não poderá alegar desconhecimento.

2.4.1 - Em nenhuma hipótese serão permitidas alterações no requerimento de inscrição, assim como não será admitida inscrição em caráter condicional.

2.4.2 - Não serão aceitas inscrições por via postal, via fax ou correio eletrônico.

2.5 - O valor da taxa de inscrição é de R$ 70,00 (setenta reais) para nível superior e R$ 45,00 (quarenta e cinco reais) para nível intermediário (Classe D).

2.5.1 - O valor referente ao pagamento da inscrição não será devolvido em hipótese alguma, salvo em caso de cancelamento do concurso.

2.6 - O candidato que, mesmo tendo realizado todos os passos do processo de inscrição, não tiver seu nome publicado na listagem divulgada no dia 08 de janeiro de 2014, deverá entrar em contato com a DCO pelos telefones 2682-2810 e 2682-2930, entre os dias 09 e 10 de janeiro de 2014, até às 17h. O candidato que não regularizar a sua situação nesse período não poderá realizar a prova.

3. DA ISENÇÃO DO VALOR DA TAXA DE INSCRIÇÃO

3.1 - A isenção da taxa de inscrição é um benefício concedido pela UFRRJ aos candidatos que comprovarem insuficiência de recurso financeiro, conforme Decreto nº. 6593, de 02 de outubro de 2008.

3.2 - As isenções serão concedidas aos candidatos habilitados dentro dos critérios estabelecidos pelo Decreto nº 6.593, de 02 de outubro de 2008.

3.3 - Do dia 2 a 06 de dezembro de 2013, acontecerão às solicitações da isenção da taxa de inscrição.

3.4 - As solicitações deverão ser efetuadas por meio de formulário que estará disponível no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos.

3.4.1 - O candidato deverá imprimir e preencher o Formulário de Isenção da Taxa de Inscrição.

3.5 - Todos os campos do Formulário de Isenção da Taxa de Inscrição deverão ser preenchidos de acordo com as instruções contidas no próprio formulário.

3.6 - Será aceito somente um Formulário de Isenção da Taxa de Inscrição por candidato.

3.7 - Junto ao Formulário de Isenção da Taxa de Inscrição, o candidato deverá anexar todos os documentos exigidos no subitem 3.7.1. A documentação apresentada será de inteira responsabilidade do candidato, e não serão admitidas alterações após a entrega.

3.7.1 - Documentos a serem exigidos no ato da solicitação de isenção:

a) Cópia de identidade;

b) Cópia de CPF;

c) Cópia autenticada do Documento Comprobatório de Inscrição no Cadastro Único para programas Sociais do Governo Federal - CadÚnico.

3.7.2 - São considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública e pelos Corpos de Bombeiros Militares, carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional, passaporte, carteiras funcionais expedidas por órgão público que valham como identidade, na forma da lei, Carteira de Trabalho e Carteira Nacional de Habilitação.

3.8 - Não será concedida a isenção do pagamento da taxa de inscrição ao candidato que

a) apresentar documentação incompleta;

b) entregar a documentação exigida fora do prazo determinado;

c) não for considerado apto para o processo de isenção.

3.9 - O Formulário de Isenção da Taxa de Inscrição preenchido e os documentos a este anexados deverão ser colocados em um envelope lacrado no qual constem nome completo do candidato e cargo pretendido.

3.9.1 - A entrega do envelope lacrado e devidamente identificado deverá ocorrer, exclusivamente, no período de 2 a 06 de dezembro de 2013 das 9h às 16h, na sala 101 - Divisão de Concurso, localizada no Pavilhão Central/UFRRJ do campus Seropédica.

3.10 - Não será aceita a entrega da documentação por outra via.

3.11 - A solicitação poderá ser efetuada por procurador legalmente constituído, desde que não seja servidor público federal, conforme disposto no inciso XI, do Art. 117, da Lei nº 8.112/90, mediante entrega de procuração pública (ou particular), acompanhada de cópia legível e autenticada de documento de identidade do candidato e de seu procurador.

3.11.1 - O candidato assume total responsabilidade pelas informações prestadas por seu procurador, inclusive pela veracidade das mesmas, arcando com as consequências de eventuais erros, no caso de declaração falsa ou inexata, que podem acarretar a anulação da inscrição.

3.12 - É vedada a inscrição condicional e/ou extemporânea.

3.13 - Não será aceita a solicitação de isenção da taxa de inscrição por fax, via postal ou correio eletrônico.

3.14 - O resultado dos pedidos de isenção será divulgado no dia 13 de dezembro de 2013.

3.15 - Ao tomar ciência do resultado, o candidato beneficiado com a isenção deverá realizar imediatamente a sua inscrição no concurso, obedecendo ao prazo e aos procedimentos previstos no item 2 deste Edital, até as 14h do dia 02 de janeiro de 2014.

3.16 - A solicitação de isenção de taxa e a sua concessão não são prerrogativas de inscrição no Concurso.

3.17 - Os candidatos não beneficiados com a isenção da taxa deverão realizar sua inscrição no Concurso conforme orientações que constam do Item 2 deste Edital, efetuando o pagamento da GRU.

4. DAS PROVAS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

4.1 - A seleção para os cargos de Nível Superior compreenderá as seguintes fases:

4.1.1 - Primeira fase: aplicação de Prova Escrita Objetiva e Prova Escrita Discursiva (Redação), que terão caráter eliminatório e classificatório.

4.1.2 - Segunda fase: Prova de Títulos, de caráter classificatório.

4.1.3 - Terceira fase: aplicação de Prova Prática (para os cargos de Farmacêutico e Médico Veterinário), que terá caráter eliminatório e classificatório.

4.1.4 - Para os cargos de Nível Superior serão aplicadas provas objetivas, de acordo com o especificado no Quadro 3.

Quadro 3 - Especificação das provas que serão aplicadas aos candidatos às vagas de Nível Superior.

Disciplinas

Nº de questões

Peso

Total de Pontos

Língua Portuguesa

10

1

10

Informática

5

1

5

Direitos e Deveres

5

1

5

Conhecimentos Específicos

40

2

80

TOTAL

60

-

100

4.1.5 - A Prova Escrita Discursiva (somente para os cargos de nível superior) será constituída de uma Redação que abordará tema genérico.

4.1.6 - A Prova Escrita Discursiva será avaliada em escala de 0 (zero) a 20 (vinte) pontos.

4.1.7 - Somente terão a Prova Escrita Discursiva corrigida aqueles candidatos que não forem eliminados na Prova Escrita Objetiva.

4.2 - A seleção para os cargos de Nível Intermediário compreenderá as seguintes fases:

4.2.1 - Primeira fase: aplicação de Prova Escrita Objetiva, que terá caráter eliminatório e classificatório.

4.2.2 - Segunda fase: Prova Prática, para os cargos de Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais e Técnico em Anatomia e Necropsia, de caráter eliminatório e classificatório.

4.3 - Para os cargos de Nível Intermediário, serão aplicadas as provas conforme especificado no Quadro 4.

Quadro 4 - Especificação das provas que serão aplicadas aos candidatos às vagas de Nível Intermediário.

Disciplinas

Nº de questões

Peso

Total de Pontos

Língua Portuguesa

10

1

10

Informática

5

1

5

Direitos e Deveres

5

1

5

Conhecimentos Específicos

40

2

80

TOTAL

60

-

100

4.4 - Os critérios de avaliação, exigências e disposições gerais acerca da Prova Prática para os cargos de Farmacêutico, Médico Veterinário, Tradutor e Intérprete de LIBRAS e Técnico em Anatomia e Necropsia, estão dispostos no Anexo 4 deste Edital.

4.5 - Todas as informações dispostas em arquivos anexos fazem parte desde Edital.

4.6 - O programa da prova escrita será disponibilizado no site www.ufrrj.br/concursos.

4.7 - O candidato a um cargo de Nível Superior poderá somar até 100 (cem) pontos na Prova Escrita Objetiva, 20 (vinte) na Prova Escrita Discursiva (Redação) e 20 (vinte) na Prova de Títulos, perfazendo um total de 140 (cento e quarenta) pontos.

4.7.1 - Candidatos aos cargos de Farmacêutico e Médico Veterinário poderão somar até 100 (cem) pontos na Prova Escrita Objetiva, 20 (vinte) na Prova Escrita Discursiva (Redação), 20 (vinte) na Prova de Títulos e 100 (cem) pontos na Prova Prática, perfazendo um total de 240 (duzentos e quarenta) pontos.

4.8 - O candidato a um cargo de Nível Médio poderá somar até 100 (cem) pontos na Prova Escrita Objetiva.

4.8.1 - Candidatos aos cargos de Tradutor e Intérprete de LIBRAS e Técnico em Anatomia e Necropsia poderão somar até 100 (cem) pontos na Prova Escrita Objetiva e 100 (cem) pontos na Prova Prática, perfazendo um total de 200 (duzentos) pontos.

4.9 - A correção da Prova Escrita Objetiva será realizada por meio de processamento eletrônico e, portanto, serão consideradas somente as respostas das questões transferidas para o Cartão-Resposta.

4.10 - Não serão computadas questões rasuradas, emendadas, não assinaladas ou com mais de uma resposta.

4.11 - As disposições e/ou instruções da capa do caderno das provas e do cartão-resposta constituem normas que passam a integrar o presente Edital.

4.12 - A divulgação do gabarito oficial da Prova Escrita Objetiva ocorrerá no dia 17 de março de 2014, no Quadro de Avisos da sala 101 - Divisão de Concurso, localizada no Pavilhão Central/UFRRJ do campus Seropédica e no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos.

4.13 CRITÉRIOS DE ELIMINAÇÃO

4.13.1 - Será eliminado do concurso aquele candidato que obtiver:

a) Pontuação inferior a 50 (cinquenta) pontos no somatório das Provas de Conhecimentos Gerais (Língua Portuguesa, Informática e Direitos e Deveres) e Conhecimentos Específicos;

b) Nota zero em qualquer disciplina que compõe as Provas de Conhecimentos Gerais (Língua Portuguesa, Informática e Direitos e Deveres);

c) Pontuação inferior a 40 (quarenta) pontos na Prova de Conhecimentos Específicos;

d) Pontuação inferior a 10 (dez) pontos na Prova Escrita Discursiva (Redação).

e) Pontuação inferior a 70 (setenta) pontos na Prova Prática para os cargos de Farmacêutico, Médico Veterinário, Tradutor e Interprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnico em Anatomia e Necropsia.

4.14 - A Prova de Títulos, de caráter classificatório (somente aplicada para os cargos de nível superior), obedecerá a critérios de pontuação conforme disposto no quadro que consta do item 4.14.2.

4.14.1 - Somente serão submetidos à Prova de Títulos os candidatos que forem habilitados nas Provas Escrita Objetiva e Escrita Discursiva.

4.14.2 - Serão pontuados os títulos apresentados pelo candidato de acordo com o período estabelecido no cronograma constante no Anexo 3, em envelope lacrado e etiquetado com sua identificação (nome, cargo pretendido). O envelope deverá conter o Curriculum Vitae atualizado e estar devidamente acompanhado de fotocópia dos documentos comprobatórios dos títulos. O candidato deverá organizar seus comprovantes seguindo a subdivisão especificada no Quadro 5. A Prova de Títulos vale no máximo 20 (vinte) pontos, obedecendo aos seguintes critérios de avaliação:

Quadro 5

Especificações e limites de pontuação da prova de Títulos

Alínea

Título

Valor de cada título

Valor máximo dos títulos

A

Cursos de curta duração em área afim à do concurso (atualização, extensão, treinamento ou outros), com carga horária mínima de 20h. Serão computados no máximo 2 (dois) cursos

0,5

1,0

B

Cursos de aperfeiçoamento em área afim à do concurso com carga horária (por curso) igual ou superior a 180 horas. Serão computados no máximo 2 (dois) cursos

1,0

2,0

C

Especialização em área afim à do concurso (carga horária mínima: 360 horas). Será computado apenas 1 (um) curso.

2,0

2,0

D

Mestrado ou Doutorado em área afim à do concurso Será computado apenas 1 (um) curso independente da modalidade.

5,0

5,0

E

Experiência profissional em área afim à do concurso, comprovada por Carteira Profissional ou apresentação do Contrato de Trabalho com declaração do empregador.

1,0 ponto por ano comprovado

10

Total máximo de pontos

20

5. DAS CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO DAS PROVAS

5.1 - As Provas Escritas serão realizadas no dia 16 de março de 2014, no horário das 13h às 17h30 (horário de Brasília);

5.1.1 - A data, o horário e o local de realização das provas escritas serão indicados no Cartão de Confirmação de Inscrição, que estará disponível no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos, conforme data indicada no Anexo 3.

5.1.2 - O Cartão de Confirmação de Inscrição e o documento de identidade utilizado no ato da Inscrição serão indispensáveis para o candidato ter acesso ao prédio onde será realizada a prova. Na hipótese de perda, furto ou roubo do documento de identidade, o candidato deverá apresentar registro da ocorrência em órgão policial e outro documento de identificação com foto.

5.1.3 - O candidato deverá comparecer ao local de realização da prova escrita com antecedência mínima de 01 (uma) hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica (tinta azul ou preta), cartão de confirmação de inscrição e documento de identidade.

5.1.4 - Não será permitido o ingresso de candidato no local de realização da prova após o horário fixado para o seu início.

5.1.5 - O candidato somente poderá retirar-se da sala depois de decorrida 01 (uma) hora do início da prova.

5.1.6 - Não será aceita a presença de acompanhantes nas dependências do local de realização da prova.

5.1.6.1 - A candidata que tiver necessidade de amamentar, durante a realização das provas, deverá levar um acompanhante, o qual ficará com a guarda da criança, em local a ser destinado pelo Chefe do Setor, e somente poderá retirar-se da sala de prova, para amamentar, em companhia do fiscal. A candidata que não levar o acompanhante não poderá realizar as provas.

5.1.7 - As provas não serão aplicadas fora do local predeterminado.

5.1.8 - Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada para a realização das provas.

5.1.9 - Será eliminado do concurso o candidato que, durante a realização das provas,

a) for surpreendido em comunicação com outro (s) candidato (s), assim como dando e/ou recebendo auxílio para a execução das provas;

b) ausentar-se da sala de provas sem o acompanhamento do fiscal;

c) faltar com cortesia a quaisquer dos servidores responsáveis pela organização e/ou aplicação das provas, desrespeitar os auxiliares destes, as autoridades presentes ou outros candidatos;

d) perturbar de qualquer modo a ordem dos trabalhos, incorrendo em comportamento inadequado;

e) portar e utilizar bonés, aparelhos celulares ou qualquer outro aparelho eletrônico, máquinas calculadoras ou similares, livros, anotações, impressos ou qualquer outro material de consulta;

f) deixar de entregar assinado o Cartão-Resposta referente à Prova Objetiva;

g) recusar-se a entregar as provas e/ou Cartão-Resposta das provas ao término do tempo destinado para sua realização;

h) deixar de assinar as listas de presença;

i) assinar ou identificar o Caderno da Prova Escrita Discursiva (Redação).

5.2 - A Prova Prática, aplicada para os cargos de Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnico em Anatomia e Necropsia, terão sua data, local e horário divulgados no dia 08 de abril de 2014 no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos.

5.3 - A Prova Prática, aplicada para os cargos de Farmacêutico e Médico Veterinário, terão sua data, local e horário divulgados no dia 11 de junho de 2014 no endereço eletrônico www.ufrrj.br/concursos.

5.4 - Serão convocados para realizar a Prova Prática para os cargos de Farmacêutico e Médico Veterinário os primeiros classificados (Soma da Primeira e Segunda fase), até 05 (cinco) vezes o número de vagas oferecidas na área.

5.5 - Serão convocados para realizar a Prova Prática para os cargos de Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnico em Anatomia e Necropsia os primeiros classificados (Primeira fase), até 05 (cinco) vezes o número de vagas oferecidas na área.

6. DA CLASSIFICAÇÃO E DO RESULTADO FINAL DO CONCURSO

6.1 - Em caso de empate na primeira fase, para os cargos de Tradutor e Intérprete de LIBRAS e Técnico em Anatomia e Necropsia, terão preferência, sucessivamente, o candidato que obtiver maior pontuação na Prova

a) Escrita Objetiva, no rol de questões que se referem a conteúdo específico;

b) Escrita Objetiva, no rol de questões que se referem a prova de Língua Portuguesa;

6.1.1 - Persistindo o empate, terá preferência o candidato mais idoso.

6.2 - A Classificação da Primeira Fase, para os cargos de Nível Intermediário, será divulgada na data prevista dia 08 de abril de 2014.

6.3 - Em caso de empate na Primeira e Segunda Fases, para o cargo de Farmacêutico e Médico Veterinário, terá preferência, sucessivamente, o candidato que obtiver maior pontuação na Prova

a) Escrita Objetiva, no rol de questões que se referem a conteúdo específico;

b) Escrita Discursiva (Redação);

c) de Títulos;

d) de Conhecimentos Gerais (soma das provas de Língua Portuguesa, Informática e Direitos e Deveres).

6.3.1 - Persistindo o empate, terá preferência o candidato mais idoso.

6.4 - A Classificação da Primeira e Segunda Fases, para os cargos de Nível Superior, será divulgada na data prevista dia 11 de junho de 2014.

6.5 - A classificação final dos candidatos será feita na ordem decrescente do somatório dos pontos obtidos em todas as Provas, considerando os pontos mínimos exigidos em cada etapa.

6.6 - Em caso de empate na classificação final terá preferência, sucessivamente, o candidato que obtiver maior pontuação na Prova

a) Escrita Objetiva, no rol de questões que se referem a conteúdo específico;

b) Prova Prática, para os Cargos de Farmacêutico, Médico Veterinário, Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnico em Anatomia e Necropsia;

c) Escrita Discursiva (Redação), para cargos de Nível Superior;

d)de Títulos, para cargos de Nível Superior;

e) de Conhecimentos Gerais.

6.6.1 Persistindo o empate, terá preferência o candidato mais idoso.

6.7 - Conforme Art. 13 da Portaria nº 450/MP, de 06/11/2002, o resultado final será homologado pela Reitora da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e publicado no Diário Oficial da União, juntamente com a classificação final dos candidatos aprovados no concurso.

6.8 - O Resultado dos Recursos à Prova de Títulos (para cargos de Nível Superior) será divulgado na data prevista de 10 de junho de 2014.

6.9 - O Resultado da Prova Prática (para os cargos de Tradutor e Intérprete de LIBRAS e Técnico em Anatomia e Necropsia) será divulgado na data prevista de 07 de maio de 2014.

6.10 - O Resultado da Prova Prática (para o cargo de Farmacêutico e Médico Veterinário) será divulgado na data prevista de 20 de junho de 2014.

6.11 - O Resultado dos Recursos à Prova Prática (para os cargos de Farmacêutico e Médico Veterinário, Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnica em Anatomia e Necropsia) será divulgado na data prevista de 26 de junho de 2014.

6.12 - O Resultado Final será divulgado na data prevista de 26 de junho de 2014.

6.13 - O Resultado Final será, também, afixado no quadro de avisos da sala 101 - Divisão de Concursos, localizada no Pavilhão Central/UFRRJ do campus Seropédica e divulgado no site: www.ufrrj.br/concursos.

6.14 - Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório de classificação no processo seletivo, valendo, para esse fim, a homologação publicada no Diário Oficial da União.

6.15 - A classificação no processo seletivo não assegura ao candidato o direito de ingresso automático nos quadros da Universidade, mas apenas a expectativa de direito à nomeação, seguindo a rigorosa ordem classificatória, observando as disposições legais pertinentes, o interesse e a conveniência da UFRRJ.

6.16 - As informações prestadas pelo candidato em todas as etapas do concurso são de inteira responsabilidade do mesmo. Caso haja falsidade ou inexatidão em quaisquer dessas informações, o candidato ficará impossibilitado de assumir o cargo.

7. DOS RECURSOS

7.1 - Somente o candidato poderá interpor recurso contra o gabarito das questões da Prova Escrita Objetiva, indicando o gabarito da questão ou das questões a ser revisado. Além disso, deverá fundamentar, com base no gabarito divulgado, os seus argumentos com lógica e consistência. Recursos que não forem fundamentados serão indeferidos.

7.2 - O prazo para a interposição de recursos contra o gabarito oficial da Prova Escrita Objetiva será nos dias 19 e 20 de março de 2014.

7.3 - Somente o candidato poderá interpor recurso contra a Prova Escrita Discursiva (Redação), fundamentando, com base no gabarito divulgado, os seus argumentos com lógica e consistência. Recursos que não forem fundamentados serão indeferidos.

7.4 - O candidato, e somente este, poderá solicitar vistas à prova escrita discursiva de Redação, através de pedido feito pessoalmente à comissão do concurso, no período de 9h às11h30min e 13h às 16h, nos dias 14 e 15 de abril de 2014, na sala 101 do Pavilhão Central da UFRRJ em Seropédica.

7.5 - O prazo para a interposição de recursos contra o resultado da Prova Escrita Discursiva (Redação) será nos dias 14 e 15 de abril de 2014.

7.6 - Somente o candidato poderá interpor recurso contra a Prova de Títulos, fundamentando, com base no disposto no Quadro 5 deste Edital, os seus argumentos com lógica e consistência. Recursos que não forem fundamentados serão indeferidos.

7.8 - O prazo para interposição de recursos contra o resultado da Prova Prática (para os cargos de Tradutor e Intérprete da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Técnico em Anatomia e Necropsia) será nos dias 08 e 09 de maio de 2014.

7.9 - O prazo para interposição de recursos contra o resultado da Prova Prática (para o cargo de Médico Veterinário) será no dia 24 de junho de 2014.

7.10 - Os recursos deverão ser encaminhados à Comissão Organizadora do Concurso da UFRRJ, que se encontra na Sala 101 - Divisão de Concursos - do Pavilhão Central da UFRRJ, campus Seropédica, no horário das 9h às 11h30min e 13h às 16h, em formulário próprio, disponível no site www.ufrrj.br/concursos.

7.11 - Os recursos serão examinados pela Comissão Organizadora do Concurso.

7.12 - Não serão aceitos pedidos de recursos por fax, via postal e/ou correio eletrônico.

7.13 - Resultando o recurso em anulação de questão(ões), os pontos correspondentes serão atribuídos a todos os outros candidatos, independentemente de estes terem ou não recorrido.

7.14 - A Comissão Organizadora do Concurso constitui última instância para recurso, sendo soberana em suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.

8. DO PRAZO DE VALIDADE DO CONCURSO

8.1 - O prazo de validade do concurso será de 02 (dois) anos, contado a partir da data de publicação do edital de homologação do resultado, no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado por igual período.

9. DOS REQUISITOS BÁSICOS PARA A INVESTIDURA DOS CARGOS

9.1 - Ter sido aprovado e classificado no concurso público, nas formas estabelecidas neste edital.

9.2 - Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, neste último caso, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses nos termos do § 1º, do Art. 12, da Constituição Federal.

9.3 - Ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse.

9.4 - Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo.

9.5 - Ter a escolaridade mínima exigida, para o cargo, no ato da posse.

9.6 - Possuir documentos comprobatórios que atendam aos requisitos exigidos no Edital.

9.6.1 - Os Classificados para os cargos cujas profissões requerem registro em Conselho Profissional para o exercício da função deverão apresentá-lo no ato da Posse.

9.7 - Não acumular cargos, empregos e funções públicas, exceto aqueles permitidos pela Constituição Federal, desde que haja compatibilidade de horários, assegurada a hipótese de opção dentro do prazo para posse previsto no §1º do Art.13, da Lei nº. 8.112/90.

9.8 - Estar em dia com as obrigações eleitorais.

9.9 - Estar quite com as obrigações militares, para candidatos do sexo masculino.

10. DA NOMEAÇÃO E DA POSSE

10.1 - O candidato aprovado será nomeado obedecendo rigorosamente à ordem de classificação para o cargo em que foi habilitado, na Classe e Padrão iniciais da respectiva categoria funcional, mediante portaria expedida pela Reitora da UFRRJ, publicada no Diário Oficial da União.

10.2 - Se o candidato exercer atividade remunerada no Serviço Público, no ato da posse, deverá comprovar seu desligamento do cargo ou apresentar o ato de vacância.

10.3 - Além dos requisitos já estabelecidos no item 9 deste Edital, o candidato nomeado deverá atender ao que segue para ser empossado no cargo:

Apresentar Exames de.

- Sangue (hemograma completo), com tipo sanguíneo, lipidograma e glicemia;

- Fezes;

- Urina;

- Raio-X do tórax com laudo;

- Teste ergométrico (candidatos acima de 40 anos).

Informar.

- Nº de PIS ou PASEP (se já cadastrado);

- Nº, Série e data de emissão da Carteira Profissional;

- Data do 1º emprego;

- Nº conta corrente, Banco e Agência; (Banco do Brasil, Banco Santander, Unibanco, CEF, Bradesco, HSBC)

- 03 (três) fotos 3x4 iguais e recentes.

Apresentar cópias.

- Carteira de Identidade;

- CPF;

- Título de Eleitor (acompanhado do comprovante da última votação);

- Certidão de nascimento (se solteiro) e/ou casamento (se casado(a));

- Certidão de nascimento dos filhos menores (se tiver);

- Comprovante de escolaridade exigida no concurso;

- Comprovante de residência no próprio nome (água, luz ou telefone).

- Certificado Militar;

- Última Declaração de Imposto de Renda.

10.3.1 - Estar quite com os cofres públicos.

10.3.2 - Não ter sido demitido do Serviço Público Federal, enquanto ocupante de cargo efetivo ou em comissão, nos últimos 5 (cinco) anos, contados da data da publicação do ato penalizador, decorrente das seguintes infrações:

a) valer-se do cargo para lograr proveito pessoal ou de outrem;

b) praticar advocacia junto a repartições públicas.

10.3.3 - Não ter sido demitido do Serviço Público Federal ou destituído do cargo em comissão nas seguintes hipóteses:

a) prática de crime contra a administração pública;

b) improbidade administrativa;

c) aplicação irregular de dinheiro público;

d) lesão aos cofres públicos e dilapidação do patrimônio nacional;

e) corrupção.

10.4 - Outras exigências estabelecidas em lei poderão ser solicitadas para o desempenho das atribuições do cargo.

10.5 - O candidato nomeado será convocado para a posse, no prazo improrrogável de 30 (trinta) dias, a partir da publicação do ato de sua nomeação no Diário Oficial da União.

10.6 - O candidato nomeado que não tomar posse no prazo estipulado terá o seu ato de nomeação tornado sem efeito.

10.7 - A nomeação dos candidatos ocorrerá dentro do limite de vagas estabelecidas neste Edital, ressalvada a hipótese de ampliação do número de vagas e autorização para provimento pelos órgãos competentes.

11. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

11.1 - A critério da Administração Superior, poderá haver prorrogação do prazo das inscrições.

11.2 - Será sumariamente excluído do concurso o candidato que fornecer declarações falsas ou inexatas sobre quaisquer dos documentos exigidos.

11.3 - Após a homologação do resultado do concurso, a documentação entregue pelos candidatos ficará disponível, para devolução, no Departamento de Pessoal da UFRRJ/Divisão de Seleção e Aperfeiçoamento pelo prazo de 30 (trinta) dias. Findo este prazo, a documentação não retirada, será destruída.

11.4 - O candidato deverá comunicar à Seção de Recrutamento e Seleção do Departamento de Pessoal da UFRRJ qualquer mudança no seu endereço enquanto estiver participando do concurso. Sendo aprovado, serão de sua inteira responsabilidade os prejuízos decorrentes da não atualização de seu endereço.

11.5 - O Extrato do edital será publicado no Diário Oficial da União e a versão completa, na página www.ufrrj.br/concursos.

11.6 - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Organizadora do Concurso.

11.7 - A Administração da Universidade, se necessário, baixará instruções complementares sobre o assunto.

ANA MARIA DANTAS SOARES
Reitora da UFRRJ

*Retificado em 02/12/2013

DESCRIÇÃO E ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS

DENOMINAÇÃO DO CARGO: ADMINISTRADOR
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Planejar, organizar, controlar e assessorar as organizações nas áreas de recursos humanos, patrimônio, materiais, informações, financeira, tecnológica, entre outras; implementar programas e projetos; elaborar planejamento organizacional; promover estudos de racionalização e controlar o desempenho organizacional; prestar consultoria administrativa. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Administrar organizações: Administrar materiais, recursos humanos, patrimônio, informações, recursos financeiros e orçamentários; gerir recursos tecnológicos; administrar sistemas, processos, organização e métodos; arbitrar em decisões administrativas e organizacionais.

- Elaborar planejamento organizacional: Participar na definição da visão e missão da instituição; analisar a organização no contexto externo e interno; identificar oportunidades e problemas; definir estratégias; apresentar proposta de programas e projetos; estabelecer metas gerais e específicas.

- Implementar programas e projetos: Avaliar viabilidade de projetos; identificar fontes de recursos; dimensionar amplitude de programas e projetos; traçar estratégias de implementação; reestruturar atividades administrativas; coordenar programas, planos e projetos; monitorar programas e projetos.

- Promover estudos de racionalização, analisar estrutura organizacional; levantar dados para o estudo dos sistemas administrativos; diagnosticar métodos e processos; descrever métodos e rotinas de simplificação e racionalização de serviços; elaborar normas e procedimentos; estabelecer rotinas de trabalho; revisar normas e procedimentos.

- Realizar controle do desempenho organizacional: Estabelecer metodologia de avaliação;

definir indicadores e padrões de desempenho; avaliar resultados; preparar relatórios; reavaliar indicadores.

- Prestar consultoria administrativa: Elaborar diagnóstico; apresentar alternativas; emitir pareceres e laudos; facilitar processos de transformação; analisar resultados de pesquisa; atuar na mediação e arbitragem; realizar perícias.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: ASSISTENTE SOCIAL
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Prestar serviços sociais orientando indivíduos, famílias, comunidade e instituições sobre direitos e deveres (normas, códigos e legislação), serviços e recursos sociais e programas de educação; planejar, coordenar e avaliar planos, programas e projetos sociais em diferentes áreas de atuação profissional (seguridade, educação, trabalho, jurídica, habitação e outras); desempenhar tarefas administrativas e articular recursos financeiros disponíveis. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Orientar indivíduos, famílias, grupos, comunidades e instituições: Esclarecer dúvidas, orientar sobre direitos e deveres, acesso a direitos instituídos, rotinas da instituição, cuidados especiais, serviços e recursos sociais, normas, códigos e legislação e sobre processos, procedimentos e técnicas; ensinar a otimização do uso de recursos; organizar e facilitar; assessorar na elaboração de programas e projetos sociais; organizar cursos, palestras, reuniões.

- Planejar políticas sociais: Elaborar planos, programas e projetos específicos; delimitar o problema; definir público-alvo, objetivos, metas e metodologia; formular propostas; estabelecer prioridades e critérios de atendimento; programar atividades.

- Pesquisar a realidade social: Realizar estudo sócio-econômico; pesquisar interesses da população, perfil dos usuários, características da área de atuação, informações in loco, entidades e instituições; realizar pesquisas bibliográficas e documentais; estudar viabilidade de projetos propostos; coletar, organizar, compilar, tabular e difundir dados.

- Executar procedimentos técnicos: Registrar atendimentos; informar situações-problema; requisitar acomodações e vagas em equipamentos sociais da instituição; formular relatórios, pareceres técnicos, rotinas e procedimentos; formular instrumental (formulários, questionários, etc.).

- Monitorar as ações em desenvolvimento: Acompanhar resultados da execução de programas, projetos e planos; analisar as técnicas utilizadas; apurar custos; verificar atendimento dos compromissos acordados com o usuário; criar critérios e indicadores para avaliação; aplicar instrumentos de avaliação; avaliar cumprimento dos objetivos e programas, projetos e planos propostos; avaliar satisfação dos usuários.

- Articular recursos disponíveis: Identificar equipamentos sociais disponíveis na instituição; identificar recursos financeiros disponíveis; negociar com outras entidades e instituições; formar uma rede de atendimento; identificar vagas no mercado de trabalho para colocação de discentes; realocar recursos disponíveis; participar de comissões técnicas.

- Coordenar equipes e atividades: Coordenar projetos e grupos de trabalho; recrutar e selecionar pessoal; participar do planejamento de atividades de treinamento e avaliação de desempenho dos recursos humanos da instituição.

- Desempenhar tarefas administrativas: Cadastrar usuários, entidades e recursos; controlar fluxo de documentos; administrar recursos financeiros; controlar custos; controlar dados. estatísticos.

- Utilizar recursos de informática. Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: CONTADOR
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Executar a escrituração através dos lançamentos dos atos e fatos contábeis; elaborar e manter atualizados relatórios contábeis; promover a prestação, acertos e conciliação de contas; participar da implantação e execução das normas e rotinas de controle interno; elaborar e acompanhar a execução do orçamento; elaborar demonstrações contábeis e a Prestação de Contas Anual do órgão; prestar assessoria e preparar informações econômico-financeiras; atender às demandas dos órgãos fiscalizadores e realizar perícia. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Executar a escrituração através dos lançamentos dos atos e fatos contábeis:

- Executar a escrituração dos atos e fatos contábeis no sistema financeiro, orçamentário, patrimonial e de compensação, de todas as receitas, despesas, empenhos, convênios, movimentação de recursos financeiros e orçamentários, registros de baixa de contratos e convênios, incorporação e baixa de bens patrimoniais.

- Elaborar e manter atualizados relatórios contábeis: Elaborar relatórios contábeis em consonância com as áreas de finanças, orçamento, patrimônio, almoxarifado, demonstrado de forma clara e objetiva, os resultados entre as receitas previstas e as arrecadadas e o montante das despesas fixadas com as realizadas.

- Promover a prestação, acertos e conciliação de contas: Promover a prestação, acertos e conciliação de contas em geral, conferindo saldos, localizando e retificando possíveis erros, para assegurar a correção das operações contábeis.

- Participar da implantação e execução das normas e rotinas de controle interno: Participar da implantação e execução das normas e rotinas de controle interno, visando atendimento da legislação e dos órgãos de controles.

- Realizar perícias.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: ENGENHEIRO AGRÔNOMO
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Desenvolver projetos de engenharia, executar obras; planejar, coordenar a operação e a manutenção, orçar e avaliar a contratação de serviços; dos mesmos; controlar a qualidade dos suprimentos e serviços comprados e executados; elaborar normas e documentação técnica. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão. Desempenhar atividades relativas à defesa e inspeção agrícolas, promoção agropecuária, conservação de recursos naturais e acompanhamentos de projetos de assistência técnica e extensão rural. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Supervisionar, coordenar e dar orientação técnica; elaborar estudos, planejamentos, projetos e especificações em geral de regiões, zonas, cidades, obras, estruturas, transporte, exploração de recursos naturais e desenvolvimento da produção industrial e agropecuária.

- Realizar vistoria, perícia, avaliação, arbitramento, laudo e parecer técnico.

- Desempenhar atividades de análise, experimentação, ensaio e divulgação técnica.

- Elaborar orçamentos.

- Realizar atividades de padronização, mensuração e controle de qualidade.

- Executar e fiscalizar obras e serviços técnicos; conduzir equipe de instalação, montagem, operação, reparo ou manutenção.

- Elaborar projetos, assessorando e supervisionando a sua realização.

- Orientar e controlar processo de produção ou serviço de manutenção.

- Projetar produtos, instalações e sistemas.

- Pesquisar e elaborar processos.

- Estudar e estabelecer métodos de utilização eficaz e econômica de materiais e equipamentos, bem como de gerenciamento de pessoal.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: ENGENHEIRO / ELETRICISTA
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Desenvolver projetos de engenharia; executar obras; planejar, coordenar a operação e a Manutenção, orçar, e avaliar a contratação de serviços dos mesmos; controlar a qualidade dos suprimentos e serviços comprados e executados; elaborar normas e documentação técnica. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Supervisionar, coordenar e dar orientação técnica; elaborar estudos, planejamentos, projetos e especificações em geral de regiões, zonas, cidades, obras, estruturas, transporte, exploração de recursos naturais e desenvolvimento da produção industrial e agropecuária.

- Realizar estudos de viabilidade técnico-econômica; prestar assistência, assessoria e consultoria.

- Realizar vistoria, perícia, avaliação, arbitramento, laudo e parecer técnico.

- Desempenhar atividades de análise, experimentação, ensaio e divulgação técnica.

- Elaborar orçamentos.

- Realizar atividades de padronização, mensuração, e controle de qualidade.

- Executar e fiscalizar obras e serviços técnicos; conduzir equipe de instalação, montagem, operação, reparo ou manutenção.

- Elaborar projetos, assessorando e supervisionando a sua realização.

- Orientar e controlar processo de produção ou serviço de manutenção.

- Projetar produtos; instalações e sistemas.

- Pesquisar e elaborar processos.

- Estudar e estabelecer métodos de utilização eficaz e econômica de materiais e equipamentos, bem como de gerenciamento de pessoal.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: FARMACÊUTICO / ÁREA INDUSTRIAL
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Realizam ações específicas de dispensação de produtos e serviços farmacêuticos. Podem produzir esses produtos e serviços em escala magistral e industrial. Também realizam ações de controle de qualidade de produtos e serviços farmacêuticos, gerenciando o armazenamento, distribuição e transporte desses produtos. Desenvolvem produtos e serviços farmacêuticos, podem coordenar políticas de assistência farmacêutica e atuam na regulação e fiscalização de estabelecimentos, produtos e serviços farmacêuticos. Realizam análises clínicas, toxicológicas, físico-químicas, biológicas, microbiológicas e bromatológicas. Podem realizar pesquisa sobre os efeitos de medicamentos e outras substâncias sobre órgãos, tecidos e funções vitais dos seres humanos e dos animais. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Realizar tarefas específicas de desenvolvimento, produção, dispensação, controle, armazenamento, distribuição e transporte de produtos da área farmacêutica tais como medicamentos, alimentos especiais, cosméticos, imunobiológicos, domissanitários e insumos correlatos.

- Realizar análises clínicas, toxicológicas, fisioquímicas, biológicas, microbiológicas e bromatológicas.

- Orientar sobre uso de produtos e prestar serviços farmacêuticos.

- Realizar pesquisa sobre os efeitos de medicamentos e outras substâncias sobre órgãos, tecidos e funções vitais dos seres humanos e dos animais.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: JORNALISTA
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Recolher, redigir, registrar através de imagens e de sons, interpretar e organizar informações e notícias a serem difundidas, expondo, analisando e comentando os acontecimentos, fazer seleção, revisão e preparo definitivo das matérias jornalísticas a serem divulgadas em jornais, revistas, televisão, rádio, internet, assessorias de imprensa e quaisquer outros meios de comunicação com o público. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Informar ao público:

Elaborar notícias para divulgação; processar a informação; priorizar a atualidade da notícia; divulgar notícias com objetividade e ética respeitando a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas; adequar a linguagem ao veículo de comunicação.

- Iniciar o processo de informação: Fazer reunião da pauta; elaborar, distribuir e executar pauta; orientar a produção; assegurar o direito de resposta.

- Coletar informação: Definir, buscar e entrevistar fontes de informação; selecionar e confrontar dados, fatos e versões; apurar e pesquisar informações.

- Registrar informação: Redigir textos jornalísticos; fotografar e gravar imagens jornalísticas; gravar entrevistas jornalísticas; ilustrar matérias jornalísticas; revisar os registros da informação; editar informação.

- Qualificar a informação: Questionar, interpretar e hierarquizar a informação; contextualizar fatos; organizar matérias jornalísticas; planejar a distribuição das informações no veículo de comunicação; formatar a matéria jornalística; abastecer e acessar bancos de dados, imagens e sons.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: MÉDICO VETERINÁRIO
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO:

Praticar clínica médica veterinária em todas as suas especialidades; contribuir para o bem-estar animal; promover saúde pública; exercer defesa sanitária animal; atuar na produção e no controle de qualidade de produtos; fomentar produção animal; atuar nas áreas de biotecnologia e de preservação ambiental; elaborar laudos, pareceres e atestados; assessorar na elaboração de legislação pertinente. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Praticar clínica médica veterinária, em todas as suas especialidades:

- Realizar e interpretar resultados de exames clínicos de animais; diagnosticar patologias; prescrever tratamento; indicar medidas de proteção e prevenção; realizar sedação, anestesia, e tranquilização de animais; realizar cirurgias e intervenções, inclusive de odontologia veterinária; coletar material para exames laboratoriais; realizar exames auxiliares de diagnóstico; realizar necropsias.

- Promover saúde pública: Analisar processamento, fabricação e rotulagem de produtos; avaliar riscos do uso de insumos; coletar e analisar produtos para análise laboratorial; inspecionar produtos de origem animal; fazer levantamento epidemiológico de zoonoses; elaborar e executar programas de controle e erradicação de zoonoses; elaborar e executar programas de controle de pragas e vetores; executar programas de controle de qualidade de alimentos; orientar acondicionamento e destino de lixo causador de danos à saúde pública; elaborar programas de controle de qualidade de alimentos; notificar ocorrências de zoonoses às autoridades competentes.

- Exercer defesa sanitária animal: Elaborar diagnóstico situacional para elaboração de programas; elaborar e executar programas de controle e erradicação de doenças; coletar material para diagnóstico de doenças; executar atividades de vigilância epidemiológica; realizar sacrifício de animais; analisar relatório técnico de produtos de uso veterinário; analisar material para diagnóstico de doenças; avaliar programas de controle e erradicação de doenças; notificar doenças de interesse à saúde animal; controlar trânsito de animais em eventos agropecuários e propriedades.

- Atuar na produção e controle de qualidade de produtos: Executar análises laboratoriais de controle de qualidade; monitorar padrões de qualidade de matérias-primas e produtos; testar produtos, equipamentos e processos; desenvolver novos produtos; aprimorar produto.

- Fomentar produção animal: Dimensionar plantel; estudar viabilidade econômica da atividade; estabelecer interface entre informática e produção animal; realizar análise zootécnica; realizar diagnóstico de eficiência produtiva; desenvolver programas de controle sanitário de plantéis; elaborar projetos de instalações e equipamentos zootécnicos; desenvolver programas de melhoramento genético; avaliar características reprodutivas de animais; elaborar programas de nutrição animal; projetar instalações para animais; supervisionar implantação e funcionamento dos sistemas de produção; aprimorar projetos de instalações e equipamentos zootécnicos; supervisionar qualidade dos ingredientes utilizados na alimentação animal; orientar criação de animais silvestres em cativeiro; controlar serviços de inseminação artificial; adaptar tecnologia de informática à produção animal.

- Atuar na área de biotecnologia: Manipular genes e embriões de animais; manipular microrganismos e subunidades, para utilização em processos biotecnológicos; utilizar técnicas de criopreservação de material biológico; realizar fertilização in vitro; desenvolver produtos com técnica de biologia molecular; participar em comissões de biossegurança; adotar medidas de biossegurança.

- Elaborar laudos, pareceres e atestados: Emitir atestado de saúde animal; emitir laudo de necropsia; emitir parecer técnico; emitir laudo técnico; realizar atividades de peritagem; elaborar projetos técnicos.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: NUTRICIONISTA / ALIMENTOS
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Prestar assistência nutricional a indivíduos e coletividades (sadios e enfermos); organizar, administrar e avaliar unidades de alimentação e nutrição; efetuar controle higiênico-sanitário; participar de programas de educação nutricional; ministrar cursos. Atuar em conformidade ao Manual de Boas Práticas. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Prestar assistência nutricional a indivíduos e/ou coletividades (sadios ou enfermos): Identificar população-alvo; participar de diagnóstico interdisciplinar; realizar inquérito alimentar; coletar dados antropométricos; solicitar exames laboratoriais; interpretar indicadores nutricionais; calcular gasto energético; identificar necessidades nutricionais; realizar diagnóstico dietético- nutricional; estabelecer plano de cuidados nutricionais; realizar prescrição dietética; prescrever complementos e suplementos nutricionais; registrar evolução dietoterápica em prontuário; conferir adesão à orientação dietético-nutricional; orientar familiares; prover educação e orientação nutricional; elaborar plano alimentar em atividades físicas.

- Administrar unidades de alimentação e nutriçãretar indicadores nutricionais; calcular gasto energético; identificar necessidades nutricionais; realizar diagnóstico dietético- nutricional; estabelecer plano de cuidados nutricionais; realizar prescrição dietética; prescrever complementos e suplementos nutricionais; registrar evolução dietoterápica em prontuário; conferir adesão à orientação dietético-nutricional; orientar familiares; prover educação e orientação nutricional; elaborar plano alimentar em atividades físicas.

- Administrar unidades de alimentação e nutrição: Planejar cardápios; confeccionar escala de trabalho; selecionar fornecedores; selecionar gêneros perecíveis, não perecíveis, equipamentos e utensílios; supervisionar compras, recepção de gêneros e controle de estoque; transmitir instruções à equipe; supervisionar pessoal operacional, preparo e distribuição das refeições; verificar aceitação das refeições; medir resto-ingestão; avaliar etapas de trabalho; executar procedimentos técnico-administrativos.

- Efetuar controle higiênico-sanitário: Controlar higienização do pessoal, do ambiente, dos alimentos, dos equipamentos e utensílios; controlar validade e a qualidade dos produtos; identificar perigos e pontos críticos de controle (Appcc); solicitar análise microbiológica dos alimentos; efetuar controles de saúde dos servidores e dos demais trabalhadores das UANs; solicitar análise bromatológica dos alimentos.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional

DENOMINAÇÃO DO CARGO: SECRETÁRIO EXECUTIVO
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Assessorar direções, gerenciando informações, auxiliando na execução de tarefas administrativas e em reuniões, marcando e cancelando compromissos; coordenar e controlar equipes e atividades; controlar documentos e correspondências; atender usuários externos e internos; organizar eventos e viagens e prestar serviços em idioma estrangeiro. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Assessorar direções: Administrar agenda pessoal das direções; despachar com a direção; colher assinatura; priorizar, marcar e cancelar compromissos; definir ligações telefônicas; administrar pendências; definir encaminhamento de documentos; assistir à direção em reuniões; secretariar reuniões.

- Atender pessoas: Recepcionar pessoas; fornecer informações; atender pedidos, solicitações e chamadas telefônicas; filtrar ligações; anotar e transmitir recados; orientar e encaminhar pessoas; prestar atendimento especial a autoridades e usuários diferenciados.

- Gerenciar informações: Ler documentos; levantar informações; consultar outros departamentos; criar e manter atualizado banco de dados; cobrar ações, respostas, relatórios; controlar cronogramas, prazos; direcionar informações; acompanhar processos; reproduzir documentos; confeccionar clippings.

- Elaborar documentos: Redigir textos, inclusive em idioma estrangeiro; pesquisar bibliografia; elaborar relatórios; digitar e formatar documentos; elaborar convites e convocações, planilhas e gráficos; preparar apresentações; transcrever textos; taquigrafar ditados, discursos, conferências, palestras, inclusive em idioma estrangeiro; traduzir em idioma estrangeiro, para atender às necessidades de comunicação da instituição.

- Controlar correspondência: Receber, controlar, triar, destinar, registrar e protocolar correspondência e correspondência eletrônica (e-mail); controlar malote.

- Organizar eventos e viagens: Estruturar o evento; fazer check-list; pesquisar local; reservar e preparar sala; enviar convite e convocação; confirmar presença; providenciar material, equipamentos e serviços de apoio; dar suporte durante o evento; providenciar diárias, hospedagem, passagens e documentação legal das direções (passaporte, vistos).

- Supervisionar equipes de trabalho: Planejar, organizar e dirigir serviços de secretaria; estabelecer atribuições da equipe; programar e monitorar as atividades da equipe.

- Arquivar documentos: Identificar o assunto e a natureza do documento; determinar a forma de arquivo; classificar, ordenar, cadastrar e catalogar documentos; arquivar correspondência; administrar e atualizar arquivos.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS
NÍVEL: E

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Coordenar as atividades de ensino, planejamento e orientação, supervisionando e avaliando estas atividades, para assegurar a regularidade do desenvolvimento do processo educativo. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Planejar, supervisionar, analisar e reformular o processo de ensino aprendizagem, traçando metas, estabelecendo normas, orientando e supervisionando o cumprimento do mesmo e criando ou modificando processos educativos em estreita articulação com os demais componentes do sistema educacional, para proporcionar educação integral aos alunos.

- Elaborar projetos de extensão.

- Realizar trabalhos estatísticos específicos.

- Elaborar apostilas.

- Orientar pesquisas acadêmicas.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: DIAGRAMADOR
NÍVEL: D

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Planejar serviços de pré-impressão gráfica. Realizar programação visual gráfica e editorar textos e imagens. Operar processos de tratamento de imagem, montar fotolitos e imposição eletrônica. Operar sistemas de provas e copiar chapas. Gravar matrizes para rotogravura, flexografia, calcografia e serigrafia. Trabalhar seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e preservação ambiental. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Conceitos básicos de informática: hardware e software (Sistemas Operacionais);

- Editoração digital gráfica e de fotografia;

- Metodologia visual, ergonomia, cores, fotografia, produção gráfica, computação gráfica;

- Criação de web site, newsletter, e-mail, marketing e banners;

- Criação de logomarca e identidade visual;

- Criação de peças gráficas diversas;

- Diagramação de jornais, revistas e produção gráfica;

- Projeto gráfico de revista e produção gráfica;

- Uso de softwares para manipulação, criação e editoração (Photoshop, Corel Draw, Pagemaker/InDesign, Illustrator);

- Planejamento de recursos gráficovisuais e elementos gráfico-editoriais em peças gráficas para mídia impressa: princípios da linguagem visual para diagramação;

- Diagrama/grid (características, tipos e técnicas);

- Tipografia (classificações, anatomia tipográfica, aspectos técnicos e óticos, legibilidade e leiturabilidade);

- Cor no projeto gráfico (componente estético, cores de escala, cores especiais, entrada em máquina);

- Elementos gráfico-editoriais que compõem uma página impressa.

- Detalhamento de especificações para a produção gráfica: papel (características e aproveitamento), pré-impressão, impressão (offset e digital) e acabamento.

- Preparação e fechamento de arquivos para impressão .

DENOMINAÇÃO DO CARGO: TÉCNICO DE LABORATÓRIO (ENGENHARIA DE MATERIAIS)
NÍVEL: D

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Executar trabalhos técnicos de laboratório relacionados com a área de atuação, realizando ou orientando coleta, análise e registros de material e substâncias através de métodos específicos. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Preparar reagentes, peças e outros materiais utilizados em experimentos.

- Proceder à montagem de experimentos reunindo equipamentos e material de consumo para serem utilizados em aulas experimentais e ensaios de pesquisa.

- Fazer coleta de amostras e dados em laboratórios ou em atividades de campo relativas a uma pesquisa.

- Proceder à análise de materiais utilizando métodos físicos, químicos, físico-químicos e bioquímicos para se identificar qualitativo e quantitativamente os componentes desse material, utilizando metodologia prescrita.

- Proceder à limpeza e conservação de instalações, equipamentos e materiais dos laboratórios.

- Proceder ao controle de estoque dos materiais de consumo dos laboratórios.

- Responsabilizar-se por pequenos depósitos e/ou almoxarifados dos setores que estejam alocados.

- Gerenciar o laboratório conjuntamente com o responsável pelo mesmo.

- Utilizar recursos de informática.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: TÉCNICO EM ANATOMIA E NECROPSIA / ÁREA DE PATOLOGIA ANIMAL / NECROPSIA DE ANIMAIS
NÍVEL: D

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Realização de necropsias em diversas espécies de animais e demais serviços correlacionados a esta atividade (limpeza da sala de necropsia, transporte e remoção de carcaças, preparo e fixação de peças do museu de anatomia patológica, colaboração em atividades didáticas, no serviço de extensão e em pesquisa realizados na Área de Anatomia Patológica).

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Auxiliar os docentes no preparo das peças, dos cadáveres, dos ossos e dos moldes;

- Auxiliar na construção de equipamentos e peças didáticas e nos procedimentos práticos desenvolvidos em laboratório;

- Zelar e manter organizados os materiais e equipamentos dos Laboratórios de Anatomia;

- Manter limpo e organizado os armários dos Laboratórios de Anatomia;

- Controlar e registrar em livro próprio o estoque de materiais de consumo dos Laboratórios de Anatomia; - Limpar os ossos e as peças anatômicas com formol e outras soluções, conforme instruções;

- Auxiliar na coleta e no preparo de amostras, matéria prima, soluções, reagentes e outros para serem utilizados para utilização nas aulas e pesquisas de Anatomia, conforme instruções.

- Efetuar a montagem e desmontagem de equipamentos simples dos Laboratórios de Anatomia, sob orientação;

- Transportar, preparar, limpar, esterilizar materiais, instrumentos e aparelhos, bem como desinfectar utensílios, pias, bancadas e outros dos Laboratórios de Anatomia.

- Efetuar controle e zelar pela preservação das amostras, materiais, matérias primas, equipamentos e outros dos Laboratórios de Anatomia, conforme orientação.

- Embalar e rotular materiais dos Laboratórios de Anatomia, conforme determinação.

- Auxiliar na separação de materiais biológicos para utilização nas aulas e pesquisas de Anatomia.

- Realizar a pesagem, mistura e filtração de materiais para utilização nas aulas e pesquisas de Anatomia, sob orientação.

- Controlar o estoque de vidrarias e materiais de consumo necessários ao laboratório.

- Executar outras tarefas compatíveis com as exigências para o exercício da função referentes às aulas e pesquisas de Anatomia.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA
NÍVEL: D

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Planejar atividades do trabalho. Elaborar estudos e projetos. Participar no desenvolvimento de processos. Realizar projetos. Operar sistemas elétricos e executar manutenção. Aplicar normas e procedimentos de segurança no trabalho. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Planejar atividades do trabalho: Detalhar tarefas do planejamento; Fixar metas do planejamento; Definir recursos humanos e materiais; Analisar viabilidade econômica e financeira; Elaborar cronogramas do planejamento e das atividades; Definir software apropriado às atividades; Supervisionar cronograma (follow-up); Revisar o planejamento.

- Atuar na área comercial: Identificar necessidades do cliente; Pesquisar novos mercados; Desenvolver clientes; Realizar vendas; Propor alterações, tendo em vista a agregação de valor ao produto; Realizar suporte técnico; Desenvolver fornecedores; Realizar compras; Elaborar orçamento.

- Treinar pessoas: Preparar treinamentos e palestras; Elaborar material didático-pedagógico; Ministrar cursos, treinamentos e palestras; Manter atualizados os conteúdos dos cursos; Avaliar treinamento.

- Assegurar a qualidade de produto e serviços: Elaborar procedimentos; Interpretar normas; Aplicar normas e procedimentos; Realizar testes conforme procedimentos e normas; Aplicar ferramentas da qualidade; Avaliar índices de qualidade; Trabalhar com indicadores da qualidade; Coletar dados para elaboração de relatórios; Elaborar relatórios; Interagir com órgãos normativos e de regulamentação; Estabelecer prazo de garantia de serviços; Atender requisitos de proteção ambiental.

- Elaborar estudos e projetos: Determinar escopo do projeto; Coletar dados para o projeto; Aplicar normas técnicas; Analisar dificuldades para a execução do projeto; Executar esboços e desenhos; Dimensionar circuitos eletroeletrônicos; Aplicar tecnologias adequadas ao projeto; Dimensionar componentes do projeto; Elaborar especificações técnicas do projeto; Participar do desenvolvimento de produtos; Fazer levantamento de custos; Avaliar a relação custo-benefício do projeto; Utilizar técnicas estatísticas na previsão de falhas; Elaborar documentação técnica do projeto; Utilizar softwares específicos.

- Participar no desenvolvimento de processo: Estabelecer procedimentos, normas e padrões; Determinar fluxograma do processo; Determinar os meios (máquinas e equipamentos); Fixar parâmetros do processo; Realizar medições; Realizar ensaios; Aplicar tecnologias adequadas no processo; Propor melhorias no processo; Avaliar a relação custo-benefício, referente às alterações; Avaliar a capacidade do processo.

- Realizar projetos: Seguir especificações do projeto; Executar montagem do projeto; Solucionar problemas; Cumprir cronograma; Realizar comissionamento; Colocar em operação (start-up).

- Operar sistemas elétricos: Seguir normas, instruções e procedimentos; Supervisionar sistemas de geração, transmissão e distribuição; Supervisionar o funcionamento dos equipamentos; Elaborar o programa de manobra dos sistemas; Manobrar equipamentos do sistema; Coordenar o restabelecimento dos sistemas, em função das ocorrências; Analisar o desempenho de sistemas elétricos; Fornecer informações para a manutenção; Atualizar a base cadastral.

- Executar manutenção: Identificar necessidades de manutenção; Seguir normas e instruções; Definir prioridades; Diagnosticar o desempenho dos equipamentos; Realizar manutenção preventiva e corretiva; Realizar manutenção preditiva; Cumprir cronogramas de manutenção; Realizar medições de grandezas elétricas; Executar ensaios; Analisar resultados de ensaios; Elaborar relatórios de manutenção; Avaliar evolução de custos da manutenção; Propor melhorias.

- Gerenciar pessoas: Participar no recrutamento e desligamento de pessoas; Formar equipe de trabalho; Identificar necessidades de treinamento; Identificar talentos; Valorizar talentos; Liderar equipe de trabalho; Distribuir tarefas para a equipe de trabalho; Supervisionar a execução das tarefas; Analisar desempenho funcional; Cumprir a legislação vigente.

DENOMINAÇÃO DO CARGO: TRADUTOR E INTERPRETE DA LINGUAGEM BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS)
NÍVEL: D

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO CARGO: Traduzir e interpretar em LIBRAS/Português em todas as instancias da UFRRJ. Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES TÍPICAS DO CARGO:

- Traduzir e interpretar em LIBRAS/Português em todas as instâncias na UFRRJ, com prioridade aos alunos surdos e professores surdos da UFRRJ;

- Atuar junto a estudantes surdos ou surdos cegos;

- Atuar junto aos professores surdos de LIBRAS em suas atividades acadêmicas (palestras, atividades didático-pedagógicas etc.) e representativas na UFRRJ.

- Assessorar nas atividades de ensino, pesquisa e extensão, os alunos e professores surdos da UFRRJ, ou que sejam convidados a participar de eventos ou trabalhos na UFRRJ.

- Traduzir e interpretar materiais informativos, entre eles editais de concursos nas diversas instâncias na UFRRJ.

- Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ao ambiente organizacional que envolva a LIBRAS.

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES DO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS 2013/2014

EVENTO

DATA

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

02/12/13 à 02/01/14

PERÍODO DE SOLICITAÇÃO DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO

02/12 a 06/12

RESULTADO DO PEDIDO DE ISENÇÃO

13/12

DIVULGAÇÃO DA LISTA DE INSCRITOS

08/01

PRAZO PARA ACERTOS DA INSCRIÇÃO

09/01 e 10/01

DIVULGAÇÃO DOS CARTÕES DE CONFIRMAÇÃO

10/03

PERÍODO PARA ACERTOS DO CARTÃO DE CONFIRMAÇÃO

12/03

DATA DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS OBJETIVAS E DISCURSIVAS

16/03

DIVULGAÇÃO DO GABARITO

17/03

PRAZO PARA RECEBIMENTO DE RECURSOS AO GABARITO

19/03 e 20/03

RESULTADO DOS RECURSOS (GABARITO)

28/03

DIVULGAÇÃO DAS NOTAS DA PROVA OBJETIVA

04/04

DIVULGAÇÃO DOS CLASSIFICADOS DA PRIMEIRA FASE (PARA OS CARGOS DE NÍVEL INTERMEDIÁRIO)

08/04

DIVULGAÇÃO DOS HABILITADOS PARA PROVA PRÁTICA (Cargos 13 e 15)

08/04

DIVULGAÇÃO DAS NOTAS DA PROVA DISCURSIVA (REDAÇÃO)

11/04

VISTAS À PROVA DISCURSIVA (REDAÇÃO)

14/04 e 15/04

PRAZO PARA RECEBIMENTO DE RECURSOS PARA A PROVA DE REDAÇÃO

14/04 e 15/04

RESULTADO DA PROVA PRÁTICA (Cargos 13 e 15)

07/05

PRAZO PARA RECEBIMENTO DE RECURSOS PARA PROVA PRÁTICA (Cargos 13 e 15)

08/05 e 09/05

RESULTADO DOS RECURSOS (REDAÇÃO)

06/05

ENTREGA DOS TÍTULOS

08/05 e 09/05

RESULTADO DA PROVA DE TÍTULOS

30/05

PRAZO PARA RECEBIMENTO DE RECURSOS PARA PROVA DE TÍTULOS

03/06

RESULTADO DOS RECURSOS (TÍTULOS)

10/06

DIVULGAÇÃO DOS CLASSIFICADOS DA PRIMEIRA E SEGUNDA FASES(PARA OS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR)

11/06

DIVULGAÇÃO DOS HABILITADOS PARA PROVA PRÁTICA (Cargo 08)

11/06

RESULTADO DA PROVA PRÁTICA (Cargo 08)

20/06

PRAZO PARA RECEBIMENTO DE RECURSOS PARA PROVA PRÁTICA (Cargo 08)

24/06

RESULTADO DOS RECURSOS (PRÁTICA - Cargos 08, 13 e 15)

26/06

RESULTADO FINAL

26/06

 
  CD-ROM APOSTILAS CONCURSOS

- 400 Apostilas específicas e genéricas.

- 45.000 testes e exercícios.

- 5.600 provas.

- 633 petiçóes.

Por: R$ 24,90

  Conteúdo do CD-ROM

Apostilas Específicas

- MTE - Ministério do Trabalho e Emprego

- Ministério da Saúde

- Polícia Federal - Agente e Escrivão

- Polícia Federal - Agente administrativo

- Polícia Federal - Delegado

- Polícia Civil

- Polícia Militar

- PRF

- Receita Federal

- AFRF

- INSS

- Bacen

- Caixa Econômica Federal

- Polícia Rodoviária Federal

- Banco Brasil

- TRF- Técnico Judiciário Federal - 4ª Região

- Escrevente Judiciário

- TRT - Técnico Judiciário - Área Administrativa

- TRE

- Tribunal de Justiça - Paraná - Conforme edital 2012

- Oficial de justiça - São Paulo

- Agente Penitenciário Federal - Conforme edital 2012

- Nossa Caixa Nosso Banco - Auxiliar Administrativo - Conforme edital 2012

- Polícia Federal - Agente administrativo

- Polícia Federal - Agente e Escrivão

- Polícia Federal - Delegado Polícia Federal

- Caixa Econômica Federal - Técnico Bancário

- MPU - Técnico/Área administrativa

- Banco Central

- Banco do Brasil

- TCU (incompleta)

- Polícia Federal - Agente e Escrivão

- Polícia Rodoviária Federal

- Tribunal Regional Eleitoral

- Escrevente Judiciário

Apostilas completas:

Administração Pública

Auditoria

Código Brasileiro de Aeronáutica

Código Brasileiro de Telecomunicações

Código de Águas

Código de Minas

Código de Trânsito Brasileiro

Código Florestal

Código Penal Militar

Código Processo Penal Militar

Conhecimentos Bancários

Conhecimentos Gerais

Contabilidade

Contabilidade Pública

Direito Administrativo

Direito Civil - Novo Código

Direito Comercial

Direito Constitucional

Direito do Trabalho

Direito Eleitoral

Direito Financeiro

Direito Penal

Direito Penal tributário

Direito Previdenciário

Direito Processual Civil

Direito Processual do Trabalho

Direito Processual Penal

Direito Tributário

Economia

Estatística

Geografia

Geografia do Brasil

História

Historia do Brasil

Conhecimentos de Informática

Instituições de Direito Público e Privado (IDPP-I)

Leis e Decretos

Legislação e Gestão Ambiental

Lei 10410 - Especialista em Meio Ambiente

Lei 8.666-93 - Licitações e Contratos da Administração Pública

Lei Orgânica do Tribunal de Contas da União

Matemática

Matemática Financeira

Português

Regimento Interno do Departamento de Polícia Federal

Regimento Interno do Superior Tribunal de Justiça

Regimento Interno do Tribunal de Contas da União

Regulamento Previdência Social

Resumo Comercio Internacional

Resumo Contabilidade Básica

Resumo Direito Administrativo

Resumo Direito Civil

Resumo Direito Comercial

Resumo Direito Constitucional

Resumo Direito Penal

Resumo Direito Trabalhista

Resumo Direito Tributário

Resumo Estatística Básica

Resumo Ética na Administração Pública

Resumo Legislação Previdenciária

Resumo Relações Econômicas Internacionais

Técnicas de Redação

Provas e simulados:

- Estadual (praticamente todos os estados da nação)

- Federal (aeronáutica, banco central, banco do brasil, correios, serpro, oficial de justiça, STF, STJ, TRF, etc.)

Apostilas completas:

- Curso de direito administrativo

- Contabilidade geral

- Direito Civil

- Direito Comercial

- Direito Tributário

- Direito do Trabalho

Apostilas Completas (1º e 2º Grau completo):

- Geografia

- História

- Informática

- Matemática

- Português

Exercícios:

- Contabilidade

- Matemática

- Informática

- Matemática financeira

- Português

Legislação e Códigos:

- Código de Processo Civil

- Constituição do Estado de São Paulo

- Constituição Federal atualizada

- Novo Código Civil

- Código Nacional de Trânsito

- Dezenas de leis e decretos nacionais

- Legislação ambiental

1.000 Provas Gabaritadas nas áreas:

- Fiscal

- Policial

- Jurídica

- Medicina e Farmácia

- Área contábil e econômica

- Informática

- Engenharias

Diversos:

- 330 Modelos de Cartas Comerciais

- Dicas de estudo


Copyright© 2009 Concursos.com.br